Projeto, que inclui plantio e manutenção, será realizado até março de 2020

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima) acompanhou o início das atividades relacionadas ao plantio de mudas para recuperação de área degradada no Parque Estadual Morro da Serrinha, na divisa entre os setores Pedro Ludovico e Serrinha. Serão plantadas cinco mil mudas na área pela empresa In Plant Paisagismo. O projeto, que inclui plantio e manutenção, será realizado até março de 2020 e prevê atividades de roçagem, abertura de covas, capina, etc.

Segundo Hwaskar Fagundes, secretário da Secima, o plantio das mudas é uma compensação ambiental voluntária feita pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. O projeto consiste também no manejo de espécies por dois anos. Hwaskar argumentou que este trabalho será completado pelo projeto de implantação do Parque Estadual Morro da Serrinha.

Parque

A implantação do parque estadual na área permanente do Morro da Serrinha tem por finalidade a proteção e recuperação das áreas de interesse ambiental sob domínio do Estado de Goiás. A requalificação do local pretende recuperar e incrementar a preservação do Cerrado, mas também criar um espaço de lazer, com pistas de caminhada, trilhas, mirantes, iluminação adequada e locais de alimentação.

Um dos pontos mais altos da capital, o morro é uma área do governo estadual e conta com 108 mil metros quadrados e 819 metros de altitude. Com a implantação do parque o local ganhará com pista de caminhada, iluminação, trilhas e a preservação e conservação da flora. O morro abriga dezenas de espécies de árvores nativas do Cerrado.

(FONTE: Site Mais Goiás)