_104887046_mediaitem104887043Uma mãe iemenita teve diversos pedidos de visto negados finalmente conseguiu entrar nos EUA para visitar o filho de dois anos, que sofre de uma doença terminal.

Shaima Swileh, que é natural do Iêmen mas atualmente vive no Egito, chegou à Califórnia nesta semana após uma longa tratativa com as autoridades americanas.

Ela estava impedida de entrar nos EUA pelo bloqueio imposto pelo presidente Donald Trump, que impede a concessão de vistos para pessoas de diversos países com maioria muçulmana.

Seu filho, Abdullah Hassan, de 2 anos, está internado um hospital de Oakland desde outubro. Ele nasceu com uma doença neurológica rara, a hipomielinização, que afeta a capacidade de respirar – os médicos dizem que ele não vai sobreviver. Ele e o pai, Ali Hassan, de 22 anos, têm cidadania americana.

Após apelos de Ali na televisão, Shaima finalmente conseguiu o visto para ver o filho pela última vez. Ela desembarcou no aeroporto Internacional de São Francisco  e foi recebecida por grupos de pessoas desejando boas-vindas.

FONTE: www.bbc.com