Tribunal de Justiça de Goiás negou, nesta terça-feira (12), o pedido de habeas corpus para João de Deus pelo crime de posse ilegal de armas encontradas na casa dele, em Abadiânia. Mesmo se a solicitação fosse acatada, o médium continuaria detido por outro mandado referente a denúncias de abuso sexual durante atendimentos espirituais. Ele nega os crimes.

João de Deus está detido no Núcleo de Custódia do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, desde 16 de dezembro de 2018. Ele é réu em três processos por crimes sexuais e um por posse ilegal de arma de fogo.

Saiba mais em: https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2019/02/12/tj-go-nega-pedido-de-liberdade-para-joao-de-deus-por-posse-ilegal-de-armas.ghtml

Fonte: G1