Cigarros eletrônico e tradicional têm em comum os riscos da nicotina; entenda os perigos

Proibido no Brasil desde 2009, o cigarro eletrônico ainda é apresentado por seus fabricantes como uma alternativa mais saudável ao cigarro comum. É procurado principalmente por quem quer parar de fumar, mas também por jovens que fazem dele a porta de entrada para o tabagismo.

Especialistas consultados pelo G1alertam que o cigarro eletrônico também oferece riscos, que em alguns casos podem ser iguais ou até maiores do que os do cigarro comum. Entenda, abaixo, as principais diferenças entre os dois tipos de cigarros e os danos que podem causar à saúde.

Como funcionam

A principal diferença entre os dois cigarros está no modo de funcionamento, que também determina as substâncias que acabam absorvidas pelo fumante.

Cigarro comum

O cigarro comum funciona a combustão. Quando ocorre a queima do fumo, ele solta substâncias que são inaladas na fumaça e absorvidas pelo organismo do fumante – e das pessoas próximas a ele.

Entre as milhares de substâncias do cigarro, as três mais famosas são:

  • Nicotina: É uma droga, ou o princípio ativo do tabaco. Após ser inalada, chega ao cérebro em poucos segundos e fica no sangue por algum tempo, liberando hormônios que dão sensação de prazer e saciedade. Quando os níveis de nicotina no corpo do fumante começam a baixar, ele sente ansiedade, com possíveis crises de abstinência. É um estímulo para fumar novamente. A nicotina, portanto, causa dependência;
  • Alcatrão: É, na verdade, uma mistura de 4 mil compostos químicos, muitos deles cancerígenos;
  • Monóxido de carbono: É o gás emitido na queima do cigarro. Ele diminui a capacidade das células vermelhas do sangue de transportar oxigênio.

O cigarro comum também tem outros elementos químicos, como os usados para produzir aromas, e eventuais resíduos da agricultura nas folhas de tabaco. Também pode ter impurezas e poeira. Se for falsificado ou contrabandeado, o nível de impurezas e substâncias tóxicas é ainda mais alto.

Cigarro eletrônico

A principal particularidade do cigarro eletrônico é que ele funciona com baterias e sem a necessidade da queima. É uma espécie de dispositivo “vaporizador” de aromas, sabores e outros produtos químicos: álcool, glicerina e, na maioria deles, nicotina.

Esses produtos são eletrônicos e têm um reservatório de líquido que precisa ser reabastecido esporadicamente. Também têm uma fonte de energia, geralmente uma bateria, e uma ponta aberta por onde o fumante inala o vapor.

Saiba mais em: https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2019/05/31/cigarros-eletronico-e-tradicional-tem-em-comum-os-riscos-da-nicotina-entenda-perigos-de-cada-um.ghtml

(Fonte: G1)

Petrobras vai reduzir preço do diesel e da gasolina nas refinarias a partir de sábado

A Petrobras informou na noite desta sexta-feira (31) que vai reduzir o preço médio dos combustíveis nas suas refinarias a partir de sábado (1). O valor médio do litro do diesel vai ficar 6% menor e passará a ser vendido a R$ 2,1664. O preço da gasolina vai cair 7,16%, para R$ 1,8144.

A última alteração no preço médio da gasolina foi feita na semana passada, quando a Petrobras reduziu o valor do combustível em 4,4%. O diesel não sofria mudanças desde 3 de maio.

Petrobras decide sobre os preços dos combustíveis com base em fatores como a cotação internacional do petróleo e o câmbio, mas uma sistemática em vigor desde setembro prevê o uso de operações de hedge para permitir um espaçamento maior entre os reajustes.

Em maio, por exemplo, o preço do petróleo do tipo Brent registrou perda de 11%, enquanto o barril nos Estados Unidos recuou 16% no mês. Foi a maior queda mensal de ambos desde novembro, de acordo com a agência Reuters. Já o dólar encerrou a sexta-feira cotado a R$ 3,9247 e acumulou queda de 2,25% na semana.

O anúncio da redução do preço médio dos combustíveis consta no site da estatal, mas também foi anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais. Em abril, governo se envolveu numa polêmica depois que a Petrobras desistiu de aumentar o preço do diesel nas refinarias.

Saiba mais em: https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/05/31/petrobras-vai-reduzir-preco-do-diesel-e-da-gasolina-nas-refinarias-a-partir-de-sabado.ghtml

(Fonte: G1)

Sete suspeitos de manter plantação de 9 mil pés de maconha morrem em confronto com a PM, em Niquelândia

Seis suspeitos de manterem uma plantação de 9 mil pés de maconha em Niquelândia, no norte de Goiás, morreram em confronto com policiais do Comando de Operações de Divisas (COD), nesta sexta-feira (31), de acordo com informações da Polícia Civil. Outro suspeito morreu na quinta-feira (31), também em confronto com a Polícia Militar.

Segundo o delegado Gerson José de Souza, responsável pela investigação, todos eram homens e estavam armados durante a abordagem dos policiais militares. De acordo com o delegado, eles estavam “a serviço da plantação, colheita, preparo e segurança do local”.

A plantação foi encontrada pelos policiais COD da Polícia Militar na quinta-feira (30), em Niquelândia. Mais de 12 toneladas de droga foram apreendidas.

De acordo com o capitão do COD, Renyson Castanheira Silva, trata-se da maior plantação de maconha encontrada em Goiás. “Para a nossa surpresa, essa é a maior plantação encontrada no estado de Goiás, em toda a sua história. Chamou muita atenção o fato de estar ocorrendo essa plantação em um local de difícil acesso”, afirmou.

Ainda segundo o capitão, estima-se que há cerca de 15 pessoas envolvidas no esquema. As buscas pelos demais continuam, de acordo com a PM. A operação na região já dura cinco dias.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), o local também servia como laboratório para que a droga fosse processada e prensada. Durante a ação, foram encontrados sacos com a maconha pronta para ser comercializada.

Segundo a Polícia Civil de Niquelândia, toda a droga apreendida será destruída no próprio local da plantação.

(Fonte: G1)

Parte do talude de mina da Vale se despreende em Barão de Cocais

A mineradora Vale informou nesta manhã que uma parte do talude norte da cava da Mina de Gongo Soco, em Barão de Cocais (MG), se desprendeu durante a madrugada de hoje (31). Segundo a Defesa Civil de Minas Gerais, não há indícios de que o incidente tenha causado danos à estrutura da barragem.

Segundo o Major Marcos Pereira, da Defesa Civil estadual, o “escorregamento” de uma pequena parcela da base do talude não causou nenhuma alteração significativa na estrutura, não sendo necessário sequer acionar as sirenes de alarme. “É uma acomodação natural que, em um primeiro momento, não coloca em risco a segurança do local”, disse à Agência Brasil.

Taludes são planos de terreno inclinados, espécies de paredões que cercam a chamada cava da mina, ou seja, a escavação no terreno. O talude serve para garantir a estabilidade do terreno escavado. Sua queda pode provocar o rompimento de uma barragem, seja ao atingi-la, seja pela vibração no terreno decorrente da queda. No caso da mina de Gongo Soco, a barragem Sul Superior está a pouco mais de um quilômetro de distância do talude que ameaça ruir em breve.

Em nota, a Vale afirmou que os fragmentos do talude que se soltaram nesta madrugada se acomodaram no fundo da cava. A empresa assegurou que as primeiras avaliações indicam que o material está deslizando de forma gradual, reforçando as estimativas de que o desprendimento do paredão ocorra “sem maiores consequências”.

“A cava e a barragem Sul Superior, que fica a 1,5 km da mina, seguem com monitoramento 24 horas por dia de forma remota, com o uso de radar e estação robótica capazes de detectar movimentações milimétricas, além de sobrevoos com drone. A barragem está em nível 3 [de risco] desde 22 de março e a Zona de Autossalvamento (ZAS) já havia sido evacuada preventivamente em 8 de fevereiro”, asseguro a Vale, na nota em que garante estar prestando todas as informações às autoridades e à população de Barão de Cocais.

Saiba mais em: http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2019-05/parte-do-talude-de-mina-da-vale-se-despreende-em-barao-de-cocais

(Fonte: Agência Brasil)

Briga em presídio termina com dois detentos esfaqueados, em Formosa

Uma briga dentro da unidade Prisional de Formosa terminou com dois detentos esfaqueados, na noite desta quinta-feira (30). Os feridos tiveram de ser levados às pressas para o Hospital Municipal. Ambos já tiveram alta e retornaram para a cadeia.

Segundo nota enviada pela direção da 9ª Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a briga envolveu apenas os dois reeducandos. Tudo ocorreu após um desentendimento, por razões não divulgadas, entre eles.

Um procedimento administrativo foi aberto para apurar o fato e aplicar as devidas sanções aos envolvidos

Saiba mais em: https://www.emaisgoias.com.br/briga-em-presidio-termina-com-dois-detentos-esfaqueados-em-formosa/

(Fonte: Mais Goiás)

Caiado e Iris recebem Bolsonaro em sua primeira visita oficial em Goiás

O governador Ronaldo Caiado e o prefeito Iris Rezende receberam o presidente Jair Bolsonaro na manhã desta sexta-feira (31) no Aeroporto Santa Genoveva em sua primeira visita oficial a Goiás. O presidente vai tomar café no Palácio das Esmeraldas e depois seguirá para Campinas, para participar da 46ª Assembleia-Geral Extraordinária da Convenção das Assembleias de Deus, localizada na Rua Senador Jaime, em Campinas.

Durante entrevista no Palácio das Esmeraldas, Bolsonaro disse que o que estiver no alcance irá atendar aos pedidos do governador Ronaldo Caiado. “O Estado tem seus problemas como o Brasil todo, o que tiver ao nosso alcance vamos estamos prontos para atender o Caiado” afirmou.

O governador Ronaldo Caiado ressaltou os problemas financeiros do Estado e a necessidade do acesso aos Fundos Constitucionais. “Fiz uma exposição de motivos, mostrando a necessidade de nós podermos ter acesso aos fundos constitucionais, para dar a estrutura mínima necessária para podermos atender a demanda das regiões mais carentes do Estado, aonde não tem sequer as rodovias, a necessidade às vezes de uma policlínica instalar”.

A decisão do presidente de vir a Goiânia, de acordo com o governador, foi tomada de última hora. Ele já confirmou que voltará na quarta-feira (5 de junho) para o lançamento do programa Juntos pelo Araguaia, em Aragarças.

(Fonte: Sagres)

Técnica em enfermagem confessa sequestro de recém-nascido, diz delegado

Durante depoimento na tarde desta quinta-feira (30), a técnica em enfermagem Elenita Aparecida Lucas Correia confessou à Polícia Civil ter subtraído um recém-nascido da Maternidade Nascer Cidadão, no setor Jardim Curitiba, região Noroeste de Goiânia. Segundo o delegado responsável pelo caso, Wellington Ferreira Lemos, a mulher afirmou que o sequestro não foi planejado e que não recebeu qualquer quantia para entregar a criança a um casal de primos, que teria perdido o filho no sexto mês de gestação.

O bebê nasceu no último sábado (25) e foi disponibilizado para adoção pela mãe no mesmo dia. Na madrugada desta quinta-feira (30), ele foi levado pela técnica em enfermagem que atuava no ambulatório da unidade há cerca de nove meses, e que, agora, deve ter o contrato encerrado. A mulher andou mais de 30 quilômetros com ele no baú de uma motocicleta até deixá-lo na casa de uma tia identificada como Elida Correia Dantas.

À PC, Elenita contou que resolveu “presentear” uma prima que havia perdido o filho ainda na gestação. Comovida com o fato de que a mulher não poderia mais engravidar, a suspeita subtraiu a criança da neonatal da maternidade. Durante o depoimento, a autora afirmou que a atitude foi impensada e que não houve concordância entre a tia e o casal. Apesar disso, conforme Wellington, os envolvidos serão responsabilizados já que permaneceram com a criança por cerca de 8h e não informaram às autoridades competentes, assumindo o risco da subtração.

Ainda de acordo com o delegado, outras três ou quatro testemunhas devem ser ouvidas. A polícia também vai intimar a equipe médica responsável pelo atendimento da criança para prestar esclarecimentos acerca do quadro clínico do recém-nascido. A corporação trabalha para identificar e encontrar a mãe do bebê. A criança deve passar por exame de lesão corporal para verificar se sofreu risco de vida por ter sido transportada no bau da motocicleta.

Segundo a investigação, Elenita pediu às enfermeiras para pegar a criança no colo. Na ocasião, aproveitou a distração das funcionárias, usou um cobertor para fazer volume no berço e levar a o recém-nascido. Uma servidora da maternidade contou à polícia que viu a mulher saindo do local. Ao chegar na cama, percebeu que o bebê já não estava mais lá. Outra testemunha, que acompanhava uma gestante, viu o momento em que a técnica em enfermagem deixou a maternidade carregando uma sacola que parecia estar pesada.

Conforme o delegado, as imagens de câmera de segurança que registraram a saída da mulher e os relatos das testemunhas auxiliaram na resolução do caso. “Em menos de 6h a Polícia Civil conseguiu recuperar o bebê e prender os autores. Nós ainda não sabemos se tem dinheiro envolvido nessa história. Vamos apurar se os relatos da Elenita são verdadeiros, mas de qualquer forma já há indícios suficientes para autuarmos estas quatro pessoas em flagrante”, disse.

Saiba mais em: https://www.emaisgoias.com.br/tecnica-em-enfermagem-confessa-sequestro-de-recem-nascido-diz-delegado/

(Fonte: Mais Goiás)

Após trimestre ruim, economistas preveem PIB abaixo de 1% no ano

O desempenho da economia no primeiro trimestre deve fazer com que as expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2019 piorem ainda mais. Com o fraco resultado da atividade econômica observado entre janeiro e março, passou a ganhar força entre os analistas um cenário de que o crescimento do Brasil neste ano possa ser inferior a 1%.

Antes da divulgação dos dados deste início ano, bancos e consultorias estimavam que o avanço do PIB ficaria entre 1% e 1,5%. Se esse cenário mais pessimista se confirmar, a economia brasileira vai colher um resultado mais fraco do que o observado em 2017 e 2018, quando o PIB cresceu apenas 1,1%.

“Os números do primeiro trimestre reforçaram o quadro de uma economia fraca”, diz a economista e sócia da consultoria Tendências, Alessandra Ribeiro. A Tendências projetava crescimento de 1,6% para 2019, mas agora deve revisar esta projeção para abaixo de 1%.

Saiba mais em: https://www.google.com/amp/s/g1.globo.com/google/amp/economia/noticia/2019/05/30/com-1o-trimestre-ruim-economistas-projetam-pib-abaixo-de-1percent-em-2019.ghtml

(Fonte: G1)

Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe termina nesta sexta

Termina nesta sexta-feira (31) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, destinada a vacinar exclusivamente o público prioritário, entre eles, idosos, crianças, gestantes, profissionais de saúde e professores. De acordo com o Ministério da Saúde, a partir de segunda-feira (3), as doses restantes da campanha ficarão disponíveis para a população em geral. Até esta quarta-feira, 44,6 milhões de pessoas que buscaram os postos de vacinação, o que representa 75% da população-alvo.

“Os portadores de doenças crônicas não transmissíveis, que inclui pessoas com deficiências específicas, devem apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do SUS deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receber a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

Saiba mais em: http://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2019-05/campanha-nacional-de-vacinacao-contra-gripe-termina-nesta-sexta

(Fonte: Agência Brasil)

Cinco postos de combustíveis em Goiânia estão oferecendo 42% de desconto no valor da gasolina comum

Hoje, quinta-feira (30), cinco postos de combustíveis da capital vão oferecer 42% de desconto no valor da gasolina comum. O desconto será em cima do valor da bomba, para pagamento em dinheiro. Os estabelecimentos irão distribuir vouchers para número limitado de clientes.

O encerramento da campanha ocorrerá quando esgotado o estoque de combustível promocional, o qual consiste exclusivamente em 2 mil litros de gasolina comum. O abastecimento será limitado a até R$ 50 por cliente ou veículo.

Os estabelecimentos participantes serão o Posto do Ratinho, no Setor Sul; Posto Xodó, no setor Bueno; Posto Z + Z, setor Sul; Posto Moreira, no Setor Oeste; e Posto Z + Z na Vila Adelia I e III.

A ação é conhecida como Dia Livre de Impostos(DLI) e está na 13º edição. O intuito é conscientizar a população sobre a alta carga de impostos e apoiar a simplificação tributária no Brasil. Cerca de 18 estados, mais o Distrito Federal (DF), irão comercializar variados produtos e serviços sem repassar o valor da tributação no preço final para os clientes.

Em Goiânia, a realização é fruto de parceria entre a Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem de Goiânia (CDL Jovem) e Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto).

Dia da Liberdade de Impostos (DLI)
Data: 30/05/2019
Postos participantes e horários: Das 7 horas às 9 horas – Posto do Ratinho (Rua 85, Nº 1049, Setor Sul);
Das 9 horas às 11 horas – Posto Xodó (Av. 85, nº 2.890 – Setor Bueno);
Das 12 horas às 14 horas – Posto Z+Z (Av. 136 – Av. 136 Nº 1477, Qd. F42A Lt. 16E – Setor Sul);
Das 15h30 às 17h30 – Posto Moreira (Av. Assis Chateaubriand, Qd. R22, Lt. 10, Nº 2055, Setor Oeste);
Das 18h30 às 20h30 – POSTO Z+Z (Av. Consolação Qd. 3 Lt. 16, Vila Adelia I e III).

(Fonte: Mais Goiás)