Auditoria fiscal mira sonegação de rede farmacêutica em Goiás

A Superintendência de Controle e Fiscalização, da Secretaria da Economia, identificou a omissão de aproximadamente R$ 80 milhões entre ICMS sonegado, multas e juros, por uma rede nacional do comércio varejista de medicamento em Goiás. O nome da empresa não foi divulgado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: