Arquivo da categoria: Cidades

Período de matrículas em Cmeis de Goiânia começa nesta quarta-feira (12)

36116366593_27ef102847_cPrefeitura de Goiânia abrirá nesta quarta-feira (12) o período de matrículas para alunos novatos nos centros municipais de Educação Infantil (Cmei). Para 2019, serão oferecidas 11.869 vagas na Educação Infantil. São 3,2mil vagas a mais, superando os números do ano passado.

A partir das 8h do dia 12, acesse aqui para fazer a pré-matrícula online. É necessário o CPF do responsável e do aluno; endereço completo com CEP; nome completo da criança e da mãe; data de nascimento da criança; três números de telefone para contato, e o nome das instituições de preferência. Ao conseguir a vaga, o responsável deverá ir até a instituição no prazo de três dias, entregar a documentação e efetivar a matrícula.

Para priorizar as famílias de baixa renda, em 2019, a SME reservará 50% das vagas para novatos às crianças que possuem o Bolsa Família. Os pais ou responsáveis deverão informar, no ato da pré-matrícula online, o Número de Identificação Social (NIS) da criança e do próprio responsável.

Os seguintes números estão disponíveis em caso de dúvidas: 3524-7310; 3524-7302; 3524-7304; 3524-5084; 3524-5086; 3524-5089; 3524-5082 e 3524-8965. O atendimento presencial deverá ser feito nas instituições de ensino (escolas e Cmei) e nas Coordenadorias Regionais de Educação (CRE).

Não será feito nenhum tipo de atendimento presencial na sede da Secretaria Municipal de Educação e Esporte. Para alunos novatos das escolas de Goiânia, Ensino Fundamental e Pré-escola, as matrículas estão abertas desde o último dia 6.

fonte: http://www.emaisgoias.com.br

Prefeitura de Goiânia abre período de matrículas para alunos novatos

434384542476852A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), abre nesta quinta-feira, 6, o período de matrículas para alunos novatos na rede municipal de ensino. Para 2019, serão oferecidas 11.869 vagas na Educação Infantil e 14.266 no Ensino Fundamental. O número de vagas disponíveis supera o do ano passado, são 6,5 mil vagas a mais nos dois níveis de ensino, além das vagas abertas para a Educação de Jovens e Adultos.

A pré-matrícula online para as escolas, para o Ensino Fundamental e turmas de Educação Infantil terá início no próximo dia 6, por meio do endereço eletrônico >www.sme.goiania.go.gov.br<, na aba “Matrícula Web”, a partir das 8h. Para alunos novatos dos centros municipais de Educação Infantil (Cmei) e unidades conveniadas, o início será no dia 12 de dezembro, também por meio do site da SME.

Para realizar o cadastro, os pais e responsáveis deverão ter em mãos os seguintes documentos: CPF do responsável e do aluno; endereço completo com CEP; nome completo da criança e da mãe; data de nascimento da criança; informar três números de telefone para contato, com DDD 62, e indicar o nome das instituições de preferência.

Bolsa família
Para priorizar as famílias de baixa renda, em 2019, a SME reservará 50% das vagas disponíveis para novatos às crianças que possuem o Bolsa Família. Para isso, os pais ou responsáveis deverão informar, no ato da pré-matrícula online, o Número de Identificação Social (NIS) da criança e do próprio responsável.

Orientação
Em caso de dúvidas, os pais ou responsáveis poderão ligar nos seguintes números: 3524-7310; 3524-7302; 3524-7304; 3524-5084; 3524-5086; 3524-5089; 3524-5082 e 3524-8965. Além disso, para esclarecimentos, o atendimento presencial deverá ser feito nas instituições de ensino (escolas e Cmei) e nas Coordenadorias Regionais de Educação (CRE). Não será feito nenhum tipo de atendimento presencial na sede da Secretaria Municipal de Educação e Esporte. Seguem endereços e telefones das cinco coordenadorias regionais:

CRE Brasil – Rua Prof. Lázaro Costa, Qd 167, Lt 10, Cidade Jardim | 3524-5681

CRE Bretas – Av. Goiás Norte, Qd 68, Lt 01, Setor Urias Magalhães | 3524-2490

CRE Central – Rua 243, esq. c/ 220, no 260, Setor Leste Universitário | 3524-1664

CRE Jarbas – Rua C 75, esq. c/ C 93, Qd 192, Setor Sudoeste | 35241720

CRE Thomé – Rua C 165, Qd 588, Lt 77, Setor Nova Suíça | 3524-5636

Serviço:
Assunto: Matrículas para alunos novatos na rede municipal de ensino de Goiânia

Data: 6/12 – Pré-matrículas de escolas

12/12 – Matrículas dos Cmeis e unidades conveniadas

Horário: a partir das 8h

fonte:www4.goiania.go.gov.br

Ação Solidária movimenta Parque Marcos Veiga Jardim

O Parque Marcos Veiga Jardim, em Goiânia, administrado pela Agetop, será palco da primeira edição do Mais Saúde por 2kg, evento beneficente que incentiva a prática da atividade física e os cuidados com a saúde. Na ação solidária, o público terá acesso a aulas de treinamento funcional e orientações sobre emagrecimento e nutrição, a partir das 16 horas, deste sábado, dia 1º. Para participar basta doar dois quilos de alimentos não perecíveis.

Para combater o sedentarismo, haverá Treinamento Funcional, Caminhada e Alongamento oferecidos pela Flex Fitness Center, considerada uma das melhores academias de Goiânia. Com orientação de professores especializados, os participantes executarão exercícios funcionais que se baseiam nos movimentos do cotidiano como correr, pular e agachar. São atividades que contribuem para melhorar o movimento, resistência, flexibilidade, postura e força do corpo. Também haverá Aulão Funcional Kids para estimular a atividade física entre o público infantil.

A programação terá ainda Gincana, Corrida, Assessoria Esportiva e a presença de especialistas em Nutrição e Emagrecimento em Workshops sobre alimentação saudável, dietas e programas para perda de peso. Além disso, os visitantes receberão dicas de Estética.

Para quem tem vontade de se aventurar nos esportes radicais, será oferecida Aula de Skate para todas as idades, na pista do Parque. A animação do evento ficará por conta do Dj Luiz Mauro. Na área de alimentação, além dos quiosques instalados no espaço, haverá Food Truck para o público se deliciar com diversos tipos de comida.

Organizado pela administração do Parque Marcos Veiga Jardim, em parceria com a Flex Fitness Center e a empresa de produções Priscilla Careli, o Mais Saúde por 2kg foi idealizado por pessoas que se uniram com a proposta de realizar um evento para promover o bem e ajudar o próximo. Os alimentos arrecadados serão doados para o Abrigo de Idosos Comendador Walmor, em Aparecida de Goiânia.

Bazar faz da moda um instrumento solidário

  natal agodao - 13.11.2018A campanha Natal de Algodão entra em sua terceira fase e promove, de 3 a 7 de dezembro, um bazar beneficente com peças de vestuário doadas. São peças novas e seminovas, além de outras que passaram por um processo de ajuste e personalização. O evento vai ocorrer no Clube de Costura, em Goiânia. Os recursos obtidos com a venda das peças servirão para comprar alimentos para o jantar a pessoas em situação de rua. O jantar será promovido com voluntários da Casa Irmã Dulce que vão distribuir os alimentos no dia 10 de dezembro, com foco na região da Rua 44, um dos lugares com maior concentração de pessoas em situação de rua na cidade de Goiânia.

Oficina de conserto e personalização de roupas2Os reparos e personalizações das peças ocorreram durante duas oficinas de moda promovidas pelo Clube de Costura, nos dias 27 e 28 de novembro. As oficinas envolveram dicas sobre tecidos, modelos e técnicas de costura, com a intenção de mostrar o que pode ser feito em cada tipo de peça e quais materiais são recomendados. As opções de transformação são infinitas. Empresas e estilistas também embarcaram na campanha e doaram peças de suas mais novas coleções. Destaque para as marcas Estyllus Denim Design e Revolução Moda Feminina, além do estilista Riusley Figueiredo, especialista em jeans.

A previsão é comercializar as peças personalizadas a preços acessíveis e reunir recursos suficientes para alimentar mais de 300 pessoas que vivem em situação de rua na capital goiana. O Natal de Algodão é promovido pela Associação Goiana dos Produtores de Algodão (Agopa), em parceria com o Sebrae, Clube de Costura e a Casa Irmã Dulce.

Artista assina a campanha

Para somar forças na conscientização sobre a importância de ajudar ao próximo e sobre o reuso dos produtos de moda, o jovem artista goiano Hector Angelo foi convidado para assinar a camiseta oficial da campanha Natal de Algodão. Conforme o artista, a obra Anjo Algodão surge para trazer alimento e conforto às pessoas em situação de rua.

“O conceito é representar um anjo fora do convencional. Os cabelos de algodão e as folhas representando as asas. O prato é a bondade, a solidariedade com quem mais precisa”, conta o artista. Hector Angelo tem 16 anos de idade vem se destacando nas artes e na literatura desde os sete anos, quando lançou seu primeiro livro. No ano passado, uma de suas obras – Lápis sobre papel, da coletânea Eu sou a dor, foi selecionada para participar da Semana de Arte de Paris-França, no Art Fair Show, evento realizado no Museu do Louvre. A tela representava a dor daqueles que sofrem preconceitos como racismo, homofobia e gordofobia.

A camiseta oficial da campanha que leva a arte assinada pelo artista também será comercializada no bazar em poucas unidades por um valor simbólico.

Irmã Dulce

Idealizado pelo casal “Prestes e Nice”, a Casa Irmã Dulce realiza há mais de 9 anos a atividade de levar alimentos, roupas e agasalhos a pessoas em situação de rua na cidade de Goiânia. Todas as segundas-feiras são oferecidas aproximadamente 300 refeições e a casa se mantém com a ajuda e doações de voluntários, pessoas que se juntam para ajudar o próximo. “Nosso lema é não prejulgar e nem justificar os porquês de aquela pessoa estar e se manter na rua. Queremos apenas ajudar para que tenha dias melhores e encontramos nos bazares de moda uma forma de conseguirmos dinheiro para a compra de alimentos”, comenta Fernanda Mio, uma das voluntárias da casa e que também dedica parte de seu tempo na articulação de pessoas e parceiros que venham somar com a instituição.

Serviço

Datas e horários:

03 a 07/11 – 2ª a 6ª feira, das 09h às 19h

08/11 – Sábado, das 09h às 13h

Endereço

Clube de Costura:

Rua 67-B, nº 165 – Setor Norte Ferroviário

Mega Moda Shopping – Estacionamento G3

MP exige que diretora do Bolsa Universitária suspenda benefício de estudante de classe alta

A promotora de Justiça Villis Marra recomendou à diretora do Programa Bolsa Universitária da Organização das Voluntárias de Goiás, Rúbia Erika Prado Cardoso, que suspenda imediatamente a bolsa universitária concedida à estudante Inddira Rodrigues Barbosa, estudante do curso de medicina da Faculdade Alfredo Nasser (Unifan). A orientação também é para que o benefício seja revogado definitivamente, em 30 dias, por não preencher o requisito de necessidade econômica e social, exigível para a sua concessão.

A promotora também requereu a realização de avaliações periódicas, de preferência anualmente, nos benefícios, para apurar se os beneficiários ainda mantêm os requisitos necessários à concessão da bolsa. A diretora tem dez dias para informar as providências tomadas.

Villis Marra relata que a mensalidade na Unifan, para o curso de medicina, gira em torno de R$ 7 mil. A beneficiária, no entanto, tem elevado padrão de vida, incompatível com o programa social. Conforme apurado pelo Centro de Inteligência do MP, além de morar em um condomínio de luxo, ter casado em Las Vegas, e ostentar suas viagens internacionais nas redes sociais, Inddira é proprietária de um Citroen C-3/2014, vive possivelmente em união estável com um empresário prestador de serviços ao Estado e fazendeiro, figurando como proprietário uma fazenda e arrendatário de outras duas.

A própria OVG informou ao MP que a aluna recebia bolsa integral em 2016, mas, por não ter atingido a média oito, a bolsa foi reduzida para parcial em 2017, passando ao valor de R$ 400,00.

Tanto a aluna como seu companheiro já foram ouvidos pela promotora, confirmando sua união estável, a moradia no condomínio de luxo e o casamento no exterior. Embora o homem tenha declarado estar em crise financeira, o elevado padrão de vida levado por eles é incompatível com o programa, avalia a promotora.

Ela observa que a Lei n° 17.405/2011 estabelece que o objetivo do Bolsa Universitária visa possibilitar a estudantes sem recursos financeiros ou de familiares acesso à educação superior. A norma ainda exige que o aluno seja economicamente carente, sendo assim considerado o aluno pertencente a grupo familiar com renda bruta de até 6 salários mínimos e, no máximo, um imóvel.

 

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do MP-GO

MP deflagra terceira fase da Operação Mãos à Obra, em Formosa

O Ministério Público de Goiás (MP-GO) deflagrou na madrugada desta quinta-feira (29/11) a terceira fase da Operação Mãos à Obra, que para apurar irregularidades detectadas em contratos na Câmara Municipal de Planaltina de Goiás.

A operação ocorre na cidade de Formosa, na região do Entorno do Distrito Federal, onde estão sendo cumpridos quatro mandados, sendo dois de prisão e dois de busca e apreensão em residências do ex-gestor de Contratos da Câmara Municipal de Planaltina de Goiás e de um gerente do Banco do Brasil.

A operação é coordenada pelo promotor Rafael Simonetti, da 4a promotoria de Planaltina de Goiás em parceria com o Centro de Inteligência do MPGO e conta com a participação de 3 promotores de Justiça. Há ainda o apoio da Polícia Civil com dois delegado e sete agentes.

Durante as investigações, o MP detectou que o ex-gestor se utilizou de ligações com o servidor do Banco do Brasil para descontar cheques da Câmara utilizando-se de fraude no endosso para sacar dinheiro em espécie, repassando uma porcentagem para o gerente.

Fases
Esta é a terceira etapa da operação que foi deflagrada inicialmente no início do mês de novembro em Planaltina de Goiás e que culminou com a prisão do então prefeito da cidade, Pastor André, que na época da apuração dos fatos era presidente da Câmara de Planaltina.

Ele teria fraudado contratações de empresas e superfaturado obras, além de ter desviado recursos do erário. Além dele, empresários e servidores da Câmara de Planaltina também foram presos.

Já a segunda fase foi deflagrada na última semana em Planaltina, quando foram cumpridos mandados de busca e apreensão na sede da Câmara de Planaltina.

 

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do MP-GO

Negociação fiscal começou nesta quinta-feira

Com a publicação da Lei nº 20.342 nesta quarta-feira, dia 28, no Diário Oficial do Estado (DOE), a Secretaria da Fazenda abre nesta quinta-feira, dia 29, as adesões ao Programa de Negociação Tributária com Devedores de ICMS e ITCD. O programa oferece descontos nos juros e multas nas dívidas contraídas até 31 de agosto de 2018. As adesões terminam no dia 10 de dezembro.

O contribuinte que pagar o débito à vista até o dia 10 de dezembro terá o maior desconto, de 98% na multa e de 50% nos juros. Para pagamento da multa pecuniária, o desconto será de 90% à vista. A Instrução Normativa da negociação será publicada quinta-feira, o que permite ao sistema da Sefaz iniciar o atendimento aos interessados, segundo o superintendente de Recuperação de Créditos, Luciano Correa Caldas.

“Haverá atendimento nas 12 Delegacias Regionais de Fiscalização, nos Vapt Vupts onde a Sefaz atua, e também no site da Secretaria. Vamos fazer simulações dos descontos e mostrar as vantagens da negociação”, afirma o superintendente.

As medidas facilitadoras para pagamento do ICMS e do ITCD, agora adotadas, também permitem o pagamento parcelado em até 60 meses, com descontos menores, e em até 84 meses para empresas em recuperação judicial.

Onde pagar
Virtual – De maneira geral, o contribuinte poderá fazer o pagamento e/ou o parcelamento via internet (salvo alguns casos mais específicos, como parcelamento de parte não litigiosa), e também nos casos de Representação Fiscal para Fins Penais.

Unidade física – A negociação pode ser feita nas 12 Delegacias Regionais de Fiscalização em Goiânia, Anápolis, Goianésia, Morrinhos, Rio Verde, Luziânia, Catalão, Formosa, Goiás, Itumbiara, Jataí e Porangatu. Os débitos também podem ser negociados nas unidades de Vapt Vupts, nos postos da Sefaz.

A negociação é permitida para o contribuinte com créditos tributários inscritos em dívida ativa ajuizados ou não, e também para aqueles com débitos parcelados. Alcança ainda o devedor de pena pecuniária e crédito tributário não constituído, desde que venha a ser confessado espontaneamente, entre outros tipos de ocorrências de ICMS e do ITCD.

Representação para fins penais
Além disso, as medidas facilitadoras vão abranger também aquele contribuinte com crédito tributário decorrente de lançamento sobre o qual tenha sido realizada representação fiscal para fins penais.

Nesses casos, a denúncia não pode ter sido recebida pelo Poder Judiciário ou, tendo sido recebida, o pagamento seja efetuado à vista ou, no caso de parcelamento, o pagamento da última parcela não ultrapasse 10 de dezembro de 2018.

FONTE: Comunicação Setorial – Sefaz

Martin Cererê recebe última edição do Cidade Rock 2018

Já consolidado como um dos eventos roqueiros mais importantes e disputados da atualidade em Goiânia, o Cidade Rock chega a sua oitava edição apostando na diversidade de estilos para ressaltar a riqueza musical de Goiânia.

Ao todo serão 10 eventos mensais e gratuitos realizados pelo projeto, com bandas goianas ou convidadas de fora, que abrangem os mais variados estilos, indo do indie ao metal, do punk ao psicodélico.

O projeto Cidade Rock conta com o patrocínio da lei Municipal de Incentivo à Cultura e pretende ser uma resistência do rock goiano, valorizando as produções locais, fomentando a formação de novas bandas e plateias.

Para quem não sabe, a capital goiana ficou conhecida, no fim dos anos 90 e início dos anos 2000, como a “Seattle brasileira” ou a “capital brasileira do rock independente”. Era um momento de grande efervescência, com festivais e bandas pipocando em todos os cantos.

O Cidade Rock surge no ano em que a produtora Monstro Discos completa 20 anos de história. A programação sempre trará nomes conhecidos e bandas iniciantes, chopes baratos, food kombis, bazar e muito rock!

Esta décima edição conta com as seguintes bandas:  Two Wolves, Almost Down, Templates, Sapatos Bicolores, Boogie Night e Distopia.

Serviço

Evento: Cidade Rock
Data: Sábado, 1 de dezembro, a partir das 19h
Local: Centro Cultural Martim Cererê (Rua 94-A, Setor Sul)
Entrada franca

Agrodefesa detecta praga em bananais em quatro municípios

A Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa) detecta a ocorrência da praga Sigatoka Negra (Mycospherella fijiensis) em áreas não comerciais de banana nos municípios de Arenópolis, Baliza, Bom Jardim de Goiás e Doverlândia, todos no extremo Oeste goiano.

De acordo com a gerente de Sanidade Vegetal da Agência, Daniela Rézio e Silva, há indícios que a praga chegou ao Estado em decorrência da aquisição de mudas de banana fora de Goiás, sem atestado de sanidade vegetal, em especial por produtores de municípios na divisa com outros estados onde está presente a Sigatoka Negra.

Desde 2006, graças ao trabalho fitossanitário desenvolvido pela Agrodefesa, Goiás é reconhecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) pelo status de área livre de Sigatoka Negra, conforme a Instrução Normativa Federal nº 29/2006.

Agora, em decorrência das medidas emergenciais adotadas pelos fiscais estaduais agropecuários da Agência após constatação de casos de Sigatoka, o Mapa reafirmou a posição de Goiás com o status sanitário de área livre da doença, com exceção dos quatro municípios onde foram detectados os focos e outros 17 municípios localizados até um raio de 70 quilômetros das áreas afetadas, conforme a Instrução Normativa Federal nº 44 de 22 de outubro de 2018.

Ação rápida

Além de Arenópolis, Baliza, Bom Jardim e Doverlândia, a normativa do Mapa inclui os municípios de Amorinópolis, Aragarças, Caiapônia, Diorama, Fazenda Nova, Iporá, Israelândia, Ivolândia, Jaupaci, Jussara, Mineiros, Moiporá, Montes Claros de Goiás, Palestina de Goiás, Piranhas, Santa Fé de Goiás e Santa Rita do Araguaia.

Conforme explica o coordenador do Programa de Banana da Agrodefesa, Juraci Rocha, os técnicos da Agrodefesa agiram de forma rápida após constatar os focos, como forma de delimitar a área de ocorrência da praga e conter a sua disseminação para outras regiões de Goiás e demais unidades da Federação.

A primeira constatação da praga no Brasil foi em 1998, no Estado do Amazonas e, por ser considerada a doença fúngica mais grave e destrutiva da bananeira, desde 2000 a Agrodefesa adota medidas de prevenção para evitar a introdução desta praga em Goiás.

Nos municípios listados pela Instrução Normativa do Mapa, o comércio de frutos de banana só será permitido após implantação do Sistema de Mitigação de Risco (Instrução Normativa Federal nº 17/2005), de modo a minimizar os impactos dos danos econômicos e fitossanitários acarretados pela praga na produção de banana.

Diante da importância econômica da cultura, os produtores devem ficar atentos quanto à obrigatoriedade do cumprimento da legislação, como forma de evitar o risco de disseminação da Sigatoka Negra em Goiás. Um dos principais aspectos a serem observados é a aquisição de mudas de viveiros idôneos, reconhecidos como livres da praga.

FONTE: Goiás Agora

Sexta linha interbairros será lançada nesta quinta-feira, 29

Os usuários do transporte coletivo de Aparecida de Goiânia terão nesta quinta-feira, 29, a sexta opção de linha interbairros. Ao todo, 24 bairros serão beneficiados com a nova linha 975 – Terminal Veiga Jardim/ IFG / Terminal Araguaia/Pq. Industrial. A viagem inaugural do itinerário será às 7 horas da manhã desta quinta-feira, 29, com saída do Terminal Veiga Jardim e contará com a presença do prefeito Gustavo Mendanha, representantes da Redemob e autoridades.

Esta é a sexta linha interbairros que a Prefeitura de Aparecida e a Rede Mob Consórcio, por meio da Rede Metropolitana de Transportes Coletivos de Aparecida (RMTC Aparecida) vão lançar. A expectativa é que a linha atenda 112 mil passageiros por mês, beneficiando regiões de grande movimento na cidade.

Ao longo de seu percurso de 36 km, a linha 975 irá regiões próximas ao Hospital de Urgências de Aparecida (Huapa), Universidade Estadual de Goiás (UEG), Instituto Federal de Goiás (IFG), Forúm de Aparecida, SESI e o Parque Industrial de Aparecida de Goiânia.  Entre os bairros beneficiados estão o Parque Veiga Jardim, Setor Araguaia, loteamentos Retiro do Bosque e Nova Olinda, Conjunto Planície, Residencial Village Garavelo e o Distrito Agroindustrial de Aparecida de Goiânia (DAIAG).

Linhas na cidade

Com a integração das seis linhas interbairros, Aparecida de Goiânia passa a contar com 56 itinerários do transporte coletivo. Destas, 46 são alimentadoras – que ligam bairros periféricos a terminais ou pontos de conexão – e 10 são linhas estruturantes locais, que fazem ligações internas no município. O novo sistema de transporte público de Aparecida, formado pelo conjunto de linhas alimentadoras e estruturantes, interliga as diversas regiões e o Centro da cidade, proporcionando mais agilidade e comodidade para os passageiros.

Linhas Interbairros

O prefeito Gustavo Mendanha destaca que as linhas interbairros oferecem dignidade ao melhorar a mobilidade da cidade e a qualidade de vida do usuário. “As primeiras linhas que inauguramos já atendem milhares de pessoas de Aparecida. Com a inauguração da sexta linha, cumpro o meu compromisso de governo de implantar seis linhas novas linhas do transporte coletivo para atender as necessidades da população. Quando a gente melhora o transporte coletivo a população é quem mais ganha”, afirma.

A extensão da Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC) em Aparecida se deu a partir do trabalho do prefeito Gustavo Mendanha quando esteve a frente da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC) e que possibilitou a implantação das novas linhas na cidade.

Conheça as seis linhas interbairros de Aparecida

970 – Terminal Araguaia / Setor Santa Luzia (Começou a circular em maio)

972 – Terminal Maranata / Terminal Araguaia (Começou a circular em junho)

973 – Terminal Maranata / Jardim Tiradentes / Terminal Cruzeiro (Começou a circular em agosto)

971 – Terminal Garavelo / Terminal Veiga Jardim / Terminal Araguaia (Via Polo Empresarial) (Começou a circular em setembro)

974 – Terminal Cruzeiro / Santa Luzia /  PC Trindade (via Buriti Shopping) (Começou a circular no dia 31 de outubro)

975 – Terminal Veiga Jardim / Centro / Parque Industrial (Começa a circular em 29 de novembro)

Nova rede de transporte de Aparecida

56 linhas locais

1.105 km de extensão de linhas

1.285 pontos de embarques e desembarques

6 terminais de integração

Cerca de 135 ônibus

 

FONTE: Prefeitura de Aparecida de Goiânia