Seis suspeitos de envolvimento com explosão de caixas eletrônicos foram mortos após troca de tiros com policiais de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), na madrugada deste sábado (23), em Goianira e Aparecida de Goiânia. O grupo criminoso já era monitorado pelo Grupo Antirroubo a Banco (GAB) da Polícia Civil.

De acordo com a PM, quatro homens foram abordados pelos militares enquanto se preparavam para explodir os caixas eletrônicos de uma agência bancária em Goianira. Segundo a corporação, o quarteto tentou fugir atirando contra os policiais, que revidaram. Baleados, os suspeitos morreram antes de receber o atendimento médico.

Posteriormente, as equipes foram informadas pelo Grupo Antirroubo a Bancos (GAB) que uma quadrilha especializada em explosão de caixas eletrônicos era monitorada e se preparava para explodir outras agências. As equipes foram até o endereço informado, no Jardim Dom Bosco, em Aparecida de Goiânia.

Durante a tentativa de abordagem, os militares foram recebidos a tiros e houve um novo confronto. Dois suspeitos foram baleados e morreram no local. Outros três que não resistiram a prisão e foram presos em flagrante.

Com o grupo, os policiais apreenderam dois veículos roubados, seis armas de fogo, explosivos, e 10 quilos de cocaína.

Saiba mais em: https://www.emaisgoias.com.br/confronto-entre-rotam-e-quadrilha-especializada-em-roubo-a-bancos-termina-com-seis-mortos-na-grande-goiania/

(Fonte: Mais Goiás)