Fundador da Foxconn aconselha Apple a sair da China

A guerra fiscal entre os Estados Unidos e a China, que já dura mais de um ano e não dá indícios de que irá chegar ao fim, tem sido um motivo de preocupação para diversas empresas que dependem de ambos os países para suas operações. E uma das mais preocupadas com a escalação do conflito é, sem dúvidas, a Apple, pois enquanto os Estados Unidos são o país onde a empresa mais vende seus produtos, é na China que estão todas as linhas de produção da empresa.

Já há alguns meses a empresa tem sido aconselhada a retirar suas operações da China, e dessa vez o conselho partiu de alguém que, na teoria, teria interesse em manter a empresa por lá: Terry Gou, fundador da Foxconn, empresa responsável por abrigar mais da metade das linhas de produção de produtos Apple existentes no país oriental.

De acordo com reportagem da revista Nikkei, Gou revelou nesta sexta-feira que aconselhou os executivos da Apple a tirarem toda a operação da empresa do país e a transferirem para Taiwan, como forma de evitar que ela seja vítima do “fogo cruzado” entre os governos dos Estados Unidos e da China. A revelação de Gou foi feita durante a mais recente reunião anual de acionistas da Foxconn, em que Gou anunciou o seu desligamento da companhia para iniciar sua campanha para a presidência de Taiwan.

Saiba mais em: https://canaltech.com.br/mercado/fundador-da-foxconn-aconselha-apple-a-sair-da-china-142357/

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: