Hacker diz que Manuela D’Ávila foi contato entre ele e The Intercept

The vice-presidential candidate for the Workers Party (PT) Manuela D'Avila, of the Brazil's Communist Party (PC do B), speaks during an infrastructure forum in Sao Paulo, Brazil, on August 20, 2018. / AFP PHOTO / NELSON ALMEIDA

Um dos presos sob suspeita de ter hackeado telefones celulares de autoridades, Walter Delgatti Neto, conhecido como Vermelho, disse em depoimento à Polícia Federal que fez contato com o jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept Brasil, por meio da ex-deputada federal Manuela D’Ávila (PCdoB-RS).

Em nota, Manuela disse que, em maio, seu aplicativo Telegram foi invadido e confirmou que repassou ao “invasor” do seu celular o contato de Greenwald.

Delgatti Neto prestou depoimento à PF na terça-feira passada. O conteúdo foi revelado nesta sexta-feira, 26, pela GloboNews.

O The Intercept Brasil tem divulgado desde 9 de junho mensagens trocadas entre o ministro da Justiça e Segurança Pública e ex-juiz, Sérgio Moro, com procuradores da Operação Lava Jato. O Estado revelou nesta quinta-feira, 25, que Delgatti Neto disse no depoimento ter dado a Greenwald acesso às informações capturadas do Telegram.

Além de Delgatti Neto, outras três pessoas – Gustavo Henrique Elias Santos, Suellen Priscila de Oliveira e Danilo Cristiano Marques – suspeitas de hackear telefones celulares de autoridades foram presas na Operação Spoofing, da PF. Nesta sexta, o juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10.ª Vara Federal de Brasília, prorrogou por mais cinco dias a prisão temporária dos quatro suspeitos.

No depoimento, Delgatti Neto detalhou o caminho para chegar aos dados de autoridades. Declarou que não editou o conteúdo das contas de Telegram a que teve acesso e que compartilhou as informações com o The Intercept de forma não remunerada. Ele disse ainda que resolveu procurar Greenwald “por saber de sua atuação nas reportagens relacionadas ao vazamento de informações do governo dos Estados Unidos, conhecido como caso Snowden”.

Saiba mais: https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/hacker-relata-caminho-ate-celulares-da-lava-jato-e-diz-que-nao-recebeu-para-fornecer-mensagens/



Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: