Operação em 8 estados e no DF mira desmatamento ilegal na Amazônia

A Polícia Federal, com apoio do Ministério Público Federal, deflagra na manhã desta quinta-feira (25) a operação Arquimedes com objetivo de desarticular esquema de corrupção responsável por extração ilegal de madeira na floresta amazônica. Um ex-superintendente do Ibama foi preso durante a ação.

Foram expedidos 23 mandados de prisão preventiva, seis de prisão temporária, 109 mandados de busca e apreensão cumpridos no Amazonas, Acre, Paraná, Mato Grosso, Minas Gerais, Rondônia, Roraima, São Paulo e Distrito Federal. Além disso, foram autorizados bloqueios de R$ 50 milhões nos CNPJs das empresas investigadas e outras 18 medidas cautelares.

O ex-superintendente do Ibama José Leland foi um dos presos na operação. Segundo informações da Rede Amazônica, ele era alvo de um mandado de busca e apreensão e acabou preso em flagrante por ter uma arma de fogo sem autorização.

A operação investiga a corrupção entre servidores de um órgão ambiental estadual, engenheiros florestais, detentores de planos de manejo e proprietários de empresas madeireiras.

Saiba mais em: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2019/04/25/pf-deflagra-operacao-em-manaus-contra-desmatamento-ilegal-na-amazonia.ghtml

(Fonte: G1)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: