Policial militar mata sargento da Rotam durante perseguição em Goiânia

Um caso de perseguição policial resultou em tragédia na noite do último domingo,18, no Setor Granja Cruzeiro do Sul, em Goiânia. De acordo com a Polícia Civil (PC), um policial militar estava entrando em casa quando viu passar por ele um homem armado perseguindo outro, que possuía uma faca. Ao dar voz para que eles parassem, informando que era policial, o homem que estava armado virou-se, apontando a arma para ele. Neste momento, o PM efetuou os disparos, só descobrindo depois que se tratava de um sargento da Rotam (Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas). O caso ocorreu por volta das 20h40.

O sargento Mackleyton Rodrigues Alves chegou a ser conduzido por militares da Rotam ao Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já o indivíduo contra o qual este teria atirado, identificado como Daniel Henrique Venâncio, morreu antes de receber atendimento.

O autor dos tiros contra o sargento da Rotam, Joel da Silva Correa, se apresentou por vontade própria na mesma noite, às 23h30, na Central de Flagrantes da Polícia Civil e relatou o ocorrido. Ainda não há informações sobre de onde teriam partido os projéteis que atingiram o suspeito Daniel Venâncio.

Foto: reprodução/redes sociais

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: