Turistas são achadas decapitadas em montanha do Marrocos

xblog_decapit.jpg.pagespeed.ic.IUxoAq0JBIDuas turistas da Escandinávia foram encontradas decapitadas nesta semana na região montanhosa de Atlas, no Marrocos, de acordo com testemunhas.

A dinamarquesa Louisa Jespersen, de 24 anos, e a norueguesa Maren Ueland, de 28, estavam fazendo juntas uma trilha na região. Elas teriam sido atacadas após montar acampamento em uma área isolada e próxima ao pico de Toubkal, de 4.167 metros de altura, o ponto mais alto do Norte africano.

Um homem foi preso por ligação com o crime, segundo o site “Morocco World News”. O nome não foi divulgado.

Louisa e Maren se conheceram na Universidade do Sudeste da Noruega, onde as duas estudavam. A dupla estava viajando havia um mês pela África.

Helle Jespersen, mãe de Louisa, disse ao site “BT” que a filha estava sempre “feliz e otimista”. Ela, entretanto, disse estar pessimista que os responsáveis pela morte da filha e da amiga sejam presos

fonte: extra.globo.com

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.